Tuesday, 18 de September de 2018

Tuesday, 18 de September de 2018

ESTADO


Educação

Em pouco mais de um mês, projeto Agentes da Democracia percorre 37 escolas, envolvendo 6.620 estudantes

17 Apr 2018    11:51
Lucas Nascimento Em pouco mais de um mês, projeto Agentes da Democracia percorre 37 escolas, envolvendo 6.620 estudantes

Dando sequência ao cronograma de visitas do projeto Agentes da Democracia – formação de eleitores e políticos do futuro, entre os dias 9 e 13 de abril a Justiça Eleitoral do Tocantins, por meio da Escola Judiciária Eleitoral, conscientizou jovens dos municípios de Araguaína, Filadélfia, Formoso do Araguaia, Arapoema, Alvorada, Colinas do Tocantins, Peixe e Gurupi, levando informação de maneira interativa para aproximadamente 1500 estudantes. Desde que iniciou, no mês de março, o projeto “Agentes da Democracia” já passou por 23 zonas eleitorais, 37 escolas, envolvendo 6.620 alunos.

A diretora da EJE/TO, vice-presidente e corregedoria regional eleitoral do Tocantins, desembargadoras Ângela Prudente, acompanhou os trabalhos nas Zonas Eleitorais de Peixe (20ªZE) e Gurupi (2ªZE), e ressaltou a importância da ação. “Não existe democracia sem educação cidadã. Nesse contexto, para o desenvolvimento dessa educação cidadã, entendemos ser necessária uma participação ativa da Justiça Eleitoral na formação direta de eleitores e políticos do futuro”, destacou a magistrada.

Esta semana equipes da EJE se dividiram para atender instituições de ensino de Norte a Sul do Estado. Nesta sexta-feira (13) o projeto foi levado a 220 alunos do Colégio João XXIII em Colinas do Tocantins e a outros 220 alunos do Centro Ensino Médio Bom Jesus, em Gurupi.

Em Gurupi a ação foi acompanhada pelo chefe do cartório João Martins dos Santos Júnior e pelo Juiz Eleitoral Nassib Mamud que ressaltou a importância da participação dos jovens no processo eleitoral. “Esse evento tem grande importância, uma vez que ele traz bastante reflexão aos estudantes que já estão na idade de voto e podem contribuir com a democracia no país. Nós trazemos para eles um lado esquecido, de que a política tem a característica de poder modificar a situação que nós vivemos e com a participação inteligente e crítica dos jovens nós podemos começar a fazer esse processo de mudança, trazendo o Brasil de volta ao bom funcionamento, com uma política saudável, que venha visar à população em geral”, disse o juiz.

A estudante Daniele Silva, declarou que gostou muito do projeto. “Eu achei o projeto muito legal, nós jovens precisamos estar mais atentos à política e interagir mais. Com 16 anos já podemos votar e exercer a nossa escolha e ajudar outros jovens a escolher o seu futuro, a interação com o mundo da política é muito importante para nós”, ressaltou.

A diretora regional de ensino de Gurupi, professora Nilcéia Camargo elogiou a iniciativa. “O projeto é de excelência, uma vez que passamos por um processo de cidadania o qual viabiliza o entendimento intelectual político para os nossos educandos para a formação futura”, destacou.

“Uma ação extremamente interessante que conduz e mostra o caminho para os nossos jovens que são os futuros eleitores. É um momento de reflexão e de conhecimento em que eles conheceram e se apropriaram um pouco das práticas que acontecem no Brasil e das próximas práticas que podem acontecer com a participação deles, com os jovens protagonistas atuantes para construir uma sociedade melhor”, disse a diretora do Cem Bom Jesus de Gurupi, Lêda Maria Tomazi Fagundes.

Na quinta-feira (12) o evento ocorreu em Peixe, no Centro de Ensino Médio Presidente Castelo Branco em Colinas do Tocantins e no colégio Dom Alano, totalizando cerca de 200 participantes. A juíza Eleitoral Cibele Bellezzia estava presente, juntamente com o chefe de cartório, João Paulo Aires, e o promotor eleitoral, Mateus Ribeiro, que  deixaram importantes mensagens para os jovens. Na região Sul, a ação também contou com a participação do diretor executivo da EJE-TO, Henrique Pereira dos Santos e da coordenadora do projeto Ana Carina Mendes Souto.

Mas a movimentação da equipe da EJE-TO esta semana iniciou por Araguaína, que recebeu a ação na  última segunda-feira (9), no Centro de Ensino Médio Benjamim José de Almeida, reunindo aproximadamente 300 estudantes.

Na terça-feira (10), o projeto esteve em Filadélfia, na Escola Estadual Filadélfia, e em Formoso do Araguaia no Colégio Estadual Tiradentes, somando aproximadamente 300 participantes. A ação também foi acompanhada pelo Juiz Eleitoral Fabiano Ribeiro, que conversou com os jovens sobre a participação nas urnas e o voto consciente.

Arapoema e Alvorada receberam o projeto na quarta-feira (11), no Colégio Estadual Ruilon Dias Carneiro e no Colégio Estadual de Alvorada, respectivamente. Mais de 200 alunos participaram da ação, somadas as duas cidades.

Na ocasião, são trabalhados os temas “A importância da participação do Jovem no Processo Eleitoral” e “O Político do Futuro: com o poder vêm grandes responsabilidades”. Ainda é aplicado um jogo de tabuleiro, votação simulada; e, o alistamento eleitoral, com a participação das equipes dos cartórios eleitorais e atendimento especial para os alunos. 

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

27

PARABÉNS!
PARABÉNS!

36

BOM
BOM

34

AMEI!
AMEI!

31

KKKK
KKKK

43

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

34

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

30

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

Agentes da Democracia EJE Justiça Eleitoral

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Radioterapia

Estado começa instalação da máquina de radioterapia de Araguaína

Após a instalação, o Estado solicitará vistoria da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) para liberação do serviço.

Declaração Polêmica

Kátia Abreu comenta declaração polêmica de vice de Bolsonaro

“De onde saiu esse homem meu Deus do céu. Criei 3 filhos sozinha como milhares de mulheres de mulheres no Brasil”, indaga Kátia.



Trânsito

Número de vítimas fatais reduz em 20% comparado a 2015

Em Palmas, a proporção de veículo é de 0,62 para cada habitante.


Propagando Irregular

A Justiça Eleitoral suspendeu nesta terça-feira, 18, mais uma propaganda irregular do candidato Carlos Amastha (PSB). De novo, o ex-prefeito de Palmas “invadiu” o horário eleitoral

Esta é a quinta vez, nestas eleições, que a Justiça Eleitoral suspende propaganda irregular de Amastha, a segunda por “invasão” do tempo de TV destinado aos candidatos a deputado estadual de sua coligação.


Carlesse

Amastha tenta confundir população mostrando caso da gestão de Marcelo Miranda em seu programa

No programa eleitoral, Amastha utiliza o depoimento da mãe da criança, Fabiana Evangelista Ferreira, para jogar a culpa do ocorrido no recém-eleito Governador do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS), que na época do ocorrido era deputado estadual.


Campanha

No desespero, Amastha usa hospitais municipais para criticar Carlesse e tem propaganda suspensa pela Justiça


Irrigação

Carlesse fortalece projetos de irrigação São João e Manuel Alves com investimentos de mais de R$ 12 milhões


Educação

Bernadete é a segunda candidata ao governo do Tocantins a firmar compromisso com a educação


Jalapão

Carlesse garante que vai melhorar qualidade de vida no Jalapão com infraestrutura e fortalecimento da cultura e do turismo


Ponto de vista

O necessário tempo para as relações


Consumidor

Núcleo do Procon de Paraíso do Tocantins é aberto com estrutura moderna



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira