Thursday, 21 de November de 2019

ESTADO


Dimetoato

Produtor de abacaxi é autuado por uso de agrotóxico proibido para a cultura

11 Jul 2019    22:50
Juliano Ribeiro Produtor de abacaxi é autuado por uso de agrotóxico proibido para a cultura

A Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) autuou em R$ 532,05 um produtor de abacaxi do município de Miracema por estar usando um produto agrotóxico proibido para a cultura do abacaxi. A descoberta foi feita após técnicos da Adapec acompanharem, uma equipe de auditores do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) até a propriedade para uma coleta de rotina e posterior envio do material para análise de resíduo de produtos em laboratório, onde foi constatada a presença do pesticida Dimetoato. O produtor também será autuado pelo Mapa.

A partir de agora, o infrator passará a ser monitorado pela Adapec, e caso, queira continuar a plantar abacaxi, deverá apresentar na Agência todos os receituários agronômicos de produtos utilizados na lavoura antes de sua utilização para verificação da conformidade dos mesmo. Embora a coleta tenha sido feita pelo Mapa, a Lei Federal 7.802/89, transfere a competência da fiscalização do uso de agrotóxicos aos estados, por isso, a Adapec realizou a autuação do produtor e tomará outras providências junto aos produtores de abacaxi na região orientando-os sobre o uso correto e seguro de agrotóxicos.

O inspetor de defesa agropecuária da Adapec, Rafael Martins, que acompanhou a fiscalização, disse que o uso de produtos agrotóxicos proibidos para determinadas espécies, coloca em risco a saúde humana e causa prejuízos econômicos, pois, o produtor perde a credibilidade no mercado. “Além disso favorece justamente o uso incorreto de agrotóxicos, pois o mesmo passa a ser empregado  de maneira indiscriminada, pois no caso, não há uma dose determinada e o produtor passa a utilizá-lo de maneira empírica, colocando em risco a saúde da população e do meio ambiente”, ressalta Rafael.

Dimetoato
Dimetoato é um inseticida do grupo dos organofosforados, que tem indicações para outras espécies vegetais como algodão, citros, trigo, dentre outras. “No entanto, o uso deste produto não está autorizado para a cultura do abacaxi, pois o mesmo não possui registro no Mapa com as devidas indicações de uso para esta cultura. Deste modo, o agricultor fica sem as informações que são relevantes para sua utilização, como os períodos de carência e de reentrada na lavoura, doses, modo de aplicação, alvos biológicos inerentes à cultura do abacaxi, dentre outros”, explicou o responsável técnico pelo Programa Estadual de Agrotóxicos na Adapec, Juliano Milhomem.

A Adapec relembra, que, para a realização de qualquer venda de produtos agrotóxicos é necessário a apresentação do receituário agronômico, documento este que comprova a visita do engenheiro agrônomo ao local e que constatou-se a necessidade de uso daquele produto. E nunca utilizar um produto indicado para uma cultura em outra, bem como, não realizar compras de produtos agrotóxicos em sites, pois em muitos casos são produtos sem registro nos órgãos competentes, o que coloca em risco a saúde do próprio produtor.

COMPARTILHE:


Confira também:


Hospital de Amor

Com apoio de voluntários da AL, unidade do Hospital do Amor de Palmas será entregue em 2020

A construção do Hospital do Amor em Palmas está orçada em R$ 120 milhões e contempla três unidades: de diagnóstico, tratamento e de prevenção e pesquisa.

Refis 2019

Refis 2019 já negociou R$ 96,6 milhões, mas débitos ainda podem ser regularizados até 30 de novembro

O secretário de Finanças, Rogério Ramos alerta para que os contribuintes fiquem atentos para não perderem a oportunidade de negociar seus débitos e ficarem em dias com os tributos municipais.



Segurança

Carlesse busca mais recursos para Segurança Pública em audiência com ministro Moro

Reunião ocorrida nesta quarta-feira, 20, no Ministério da Justiça e Segurança Pública, serviu também para apresentação do plano de investimentos dos recursos já assegurados


Vestibular Unitins

Estão abertas as inscrições para primeiro vestibular do novo Câmpus da Unitins em Paraíso

As inscrições são feitas exclusivamente pelo site da instituição www.unitins.br. As provas serão aplicadas no dia 19 de janeiro e as aulas já começarão em fevereiro, seguindo o calendário acadêmico dos outros câmpus já existentes, Palmas, Araguatins, Augus


Museu

Palacinho é reaberto e ex-governador Siqueira Campos homenageado

Obras de manutenção e reabertura foi fruto de parceria do Governo do Estado e do Grupo Amigos do Palacinho


Sarampo

Segunda etapa de vacinação contra o sarampo segue até dia 30 de novembro


Novembro Azul

Acreditar Tocantins: Pesquisa revela que 31% dos homens não têm o hábito de ir ao médico regularmente


Museu Histórico

Palacinho reabre com expografia e projeto museológico renovados


Estradas

Governo conclui obras de melhoria de estradas vicinais que ligam aldeias indígenas na região noroeste do estado


Bloqueio de Celulares

Celulares pré-pagos desatualizados são bloqueados hoje em 17 estados


Educação Superior

Unitins lança Vestibular com 120 vagas para novo Câmpus de Paraíso



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira