Monday, 22 de July de 2019

ESTADO


Tocantins

Sistema Socioeducativo inicia formação do Cadastro Reserva com foco no avanço da Política Socioeducativa

16 Jan 2019    18:13
Tharson Lopes Sistema Socioeducativo inicia formação do Cadastro Reserva com foco no avanço da Política Socioeducativa

“A evolução do Sistema Socioeducativo está intimamente ligada à formação continuada das pessoas que compõem sua estrutura”, ressaltou a palestrante Elisângela Cardoso, ativista dos direitos da Criança e do adolescente e presidente da Fundação da Criança e do Adolescente do Maranhão (Funac), durante a Aula Inaugural do Curso Profissional de Formação dos aprovados em cadastro reserva do concurso público para provimento de vagas do Sistema Socioeducativo. A solenidade de abertura ocorreu na tarde desta segunda-feira, 14, no auditório do Palácio Araguaia, em Palmas.
 
Na oportunidade, os 127 alunos matriculados no curso participaram da palestra “Construindo a Socioeducação no Brasil”, que esclareceu caminhos e desafios para unificar e simplificar a ideia de Socioeducação. De acordo com Elisângela Cardoso, para melhorar a compreensão entre pedagogia e segurança é necessário capacitar continuamente o servidor. “É importantíssimo iniciar o processo de acolhida do servidor capacitando-o. Não há outro caminho. Para que assim, conscientes do que é a Socioeducação e de como ela funciona, possam contribuir com a mesma, melhorando-a”, certificou a palestrante.
 
Outro ponto tratado pela palestrante Elisângela, também coordenadora do Fórum Nacional de Dirigentes Governamentais de Entidades Executoras de Políticas de Promoção e Defesa da Criança e do Adolescente (Fonacriad), foi a questão da impossibilidade de prestar um atendimento humanizado e efetivo em ambientes que apresentam superlotação. Neste sentido, o Tocantins tem a vantagem de atender apenas 115 adolescentes, atualmente. Assim, torna-se mais concreta a meta compartilhada por Gilberto da Costa Silva, diretor de Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente, do Estado fazer-se uma referência nacional no cumprimento da medida socioeducativa.
 
Curso de Formação
O Curso Profissional de Formação é realizado pela Secretaria da Cidadania e Justiça (Seciju), por meio da Escola de Socioeducação do Tocantins, em conformidade com os esforços da Diretoria de Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente (DPDCA) e da Gerência do Sistema Socioeducativo. Durante 30 dias, os aprovados serão instruídos na Universidade Unopar, por um grupo de 26 professores selecionados por edital.
 
“Foram quatro anos de espera, e estamos muito ansiosos. Queremos contribuir com o Sistema Socioeducativo”, relatou Silvana Medeiros, aluna que assistia a aula inaugural. De acordo com Auricélia Cruz, servidora lotada na DPDCA e do Gerente do Sistema Socioeducativo, Jardel Alves Souza, consensualmente, o ganho maior com a convocação destes classificados é o reforço das equipes de trabalho dentro das Unidades.

O Subsecretário da Seciju, Geraldo Divino Cabral, destacou os avanços do Sistema Socioeducativo na pasta, e ressaltou, “Precisamos de pessoas dispostas a trabalhar. Temos que trabalhar com o que temos e trabalhar bem”, disse. A solenidade da aula inaugural também contou com uma breve apresentação do Sistema Socioeducativo e com a presença de convidados, entre eles, os chefes de unidade, que são os responsáveis técnicos, e de dois adolescentes que fazem parte do Sistema Socioeducativo.

O cronograma do Curso prevê aulas até o dia 13 de fevereiro. Já a aplicação da prova objetiva, após o curso, está prevista para o dia 17 de fevereiro e a divulgação do resultado final, no Diário Oficial do Estado (DOE/TO), datada para 01 de março.

COMPARTILHE:


Confira também:


Polícia Civil

Operação Walking Dead leva à recuperação de R$ 4,2 milhões em créditos tributários ao Tocantins

Empresa investigada na 2a Fase da Operação procedeu ao parcelamento da dívida pública e terá o inquérito policial suspenso até conclusão do pagamento.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira