Wednesday, 05 de August de 2020

GERAL


Mídia

Abrarj elege nova mesa diretora em janeiro

04 Feb 2009

Em congresso realizado na cidade de Guarujá, famosa praia do litoral paulista, a Associação Brasileira de Revistas e Jornais (Abrarj) elegeu seu novo presidente. O evento aconteceu nos dias 5, 6 e 7 de janeiro, quando, por aclamação, foi escolhido para presidir a entidade nos próximos três anos o diretor do jornal Gazeta Mineira, Gerson de Barros Galvão Filho. Segundo ele, acompanhando todos os congressos que discutem assuntos relacionados à imprensa escrita, foi surpreendido com o fato de destacarem seu nome e o aclamarem para presidir tão importante entidade no país. Traduziu o resultado como sendo fruto de um trabalho de quase três décadas à frente do mesmo jornal, com circulação ininterrupta e editorial independente, somado à sua experiência como presidente da Associação dos Jornais do Interior (Adjori), além de seu relacionamento com vários diretores de jornais e revistas do Rio Grande do Sul e também São Paulo. “Sinto muito orgulho de poder estar à frente da associação, que conta com 575 associados, ao mesmo tempo em que pretendo ampliar o número de sócios, e, também, junto com demais diretores, revitalizar a instituição. Precisamos dar um foco empresarial para a entidade, tornando-a mais visível para todos”, ressaltou o diretor do jornal jeronimense.

Galvão anunciou que sua posse formal está marcada para o dia 1º de fevereiro, em São Paulo, na sede da Associação. A posse festiva e comemorativa ao fato de um gaúcho assumir a entidade se dará no final do mês de fevereiro, logo após o Carnaval, em solenidade que acontecerá na Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul. Registrou que, a partir de sua assunção ao cargo, São Jerônimo e a Região Carbonífera passam a ser um referencial para o jornalismo brasileiro. “Seremos, a partir da minha posse, um emissário para todo Brasil”, finalizou.

O jornal O GIRASSOL é associado à Abrarj há quatro anos.

COMPARTILHE:


Confira também:


"Operação Direct"

Polícia Federal investiga fraudes a licitações e atos de corrupção no interior do Tocantins

O nome da Operação faz referência à relação “direta” e pessoal existente entre o empresário e os agentes públicos, com a existência de favorecimentos entre as partes.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira