Tuesday, 26 de May de 2020

GERAL


Pedro Afonso

Após recorde de soja, Coapa registra produção histórica no recebimento do milho safrinha

23 Jul 2019
Fred Alves Após recorde de soja, Coapa registra produção histórica no recebimento do milho safrinha

Depois uma safra de soja 2018/2019 com números recordes, na qual recepcionou mais de 109 mil toneladas, a Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa) surpreendeu novamente o setor agrícola do estado do Tocantins com outro excelente resultado. Desta vez, o volume de grãos durante a colheita do milho safrinha superou as expectativas para o ano agrícola.

A colheita deve ser finalizada na primeira quinzena de agosto e até o início desta semana as duas unidades de armazenamento da Coapa, em Pedro Afonso, haviam recebido mais de 30 mil toneladas do cereal, volume que representa um crescimento de 99,79% em relação à safrinha passada, quando foram registradas 15.052.290 toneladas.

O gerente Operacional da Coapa, Antônio Carlos Herculano, destacou a qualidade do milho recebido e o empenho da equipe para atender satisfatoriamente os produtores. “Não ocorreram problemas de qualidade no milho em todo volume recebido. Nossa equipe mostrou profissionalismo e mesmo nos momentos de pico, administrou a situação e manteve o fluxo normal de recepção”, frisou.

Credibilidade e bons negócios
Para o vice-presidente da Coapa, Alberto Mazzola, o recorde no recebimento de milho foi motivado por uma série de fatores. “O produtor aproveitou um ano que deu certo de plantar a soja cedo, conseguiu plantar a segunda safra de milho e as chuvas foram bem distribuídas. O recorde na recepção de milho significa que o produtor ainda bateu recorde na produção por hectare”, destacou ao afirmar que a credibilidade da cooperativa também auxiliou na confiabilidade dos agricultores associados que entregaram sua produção.

Com os aumentos sucessivos na recepção de grãs, o presidente Ricardo Khouri acredita que em breve a cooperativa poderá alcançar novos horizontes na efetivação de negócios e beneficiamento de grãos. “Logo teremos um volume de milho plantado na região e em todo o estado que vai proporcionar bons negócios para verticalizar, seja uma indústria de ração ou um projeto de integração de produção de proteína animal. Este é um indicativo que muito nos anima”, afirmou Khouri.

O presidente da Coapa aproveitou para parabenizar a equipe de colaboradores pela dedicação no atendimento aos produtores e por garantir um bom resultado na safra. “Tivemos um ótimo desempenho da equipe operacional da Coapa que não mediu esforços para recepcionar a safra de soja e, na sequência, a safrinha de milho e sorgo, se desdobrando e colocando muito empenho em cima do planejamento para que as metas fossem alcançadas”, completou o presidente.

Produtividade
Com uma janela de plantio favorável e clima propício, além de mais investimentos dos agricultores, a produtividade também cresceu em toda a região.

Conforme o gerente geral da Coapa, Nelzivan Carvalho Neves, a média tem superado as 100 sacas. “Ainda faltam cerca de 15 dias de colheita, com uma média de 103 a 105 sacas. Temos também um preço favorável, o que gera uma boa rentabilidade ao produtor”, disse otimista.

Sorgo
Cultivado também durante a safrinha, o sorgo é outro grão que apresentou crescimento na produção durante o ano de 2019. Foram recepcionados pela Unidade I da Coapa, 1,9 mil toneladas do grão, um crescimento de 39%, se compactado a safra de 2018, que recepcionou 1,3 toneladas do cereal.

Expedição de soja
Até o início desta semana, das 109.643.580 de soja recebidas nas unidades de armazenagem da Coapa, 80.452.984 já haviam sido expedidas. A maior parte é exportada, o restante abastece o mercado interno. Assim como o milho, a oleaginosa também está dentro dos padrões de qualidade exigidos pelo mercado.

COMPARTILHE:


Confira também:


COVID-19

Atividades Parlamentares permanecem paralisadas até 01/06 e Audiências Públicas são adiadas em Palmas

A medida tem como objetivo evitar a disseminação e propagação do novo coronavírus, como também preservar a vida dos servidores e parlamentares da Casa de Leis.

Pandemia

Tocantins contabilizou 113 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins apresenta 2.696 casos no total, destes, 732 pacientes estão recuperados, 1.906 pacientes estão ainda em isolamento domiciliar ou hospitalar e 58 pacientes foram a óbito.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira