Thursday, 23 de May de 2019

GERAL


Gurupi

Mais de 200kg de drogas são destruídos pela Polícia Civil no sul do Estado

31 Jan 2019    19:55    alterado em 31/01 às 19:55
Mais de 200kg de drogas são destruídos pela Polícia Civil no sul do Estado

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC), Núcleo Sul, de Gurupi, realizou, na manhã desta quarta-feira (30), em uma cerâmica daquele município, a incineração de 226,5 kg de entorpecentes.
 
O quantitativo de drogas incineradas foi resultado de todas as apreensões realizadas pela Polícia Civil na região, no ano de 2018, contendo 198,2 kg de maconha, 28 kg de cocaína e crack, 48 comprimidos de ecstasy micro-pontos de LSD.
 
Conforme ressaltou o delegado Rafael Fortes Falcão, a DEIC Sul foi responsável pela apreensão de 159 kg de maconha, 18 kg de crack, mais de 1kg de cocaína e todos os comprimidos de ecstasy incinerados hoje, o que equivale a um percentual superior à 78% destes entorpecentes.
 
Além dos policiais civis da DEIC-Sul, o ato de destruição do entorpecente também contou com as presenças do Nucleo de Perícia Criminal, Vigilância Sanitária e integrantes do Poder Judiciário e do Ministério Público Estadual.
 
Para o delegado, a expressiva quantidade de drogas destruídas representa as boas ações de combate ao tráfico de drogas e à criminalidade em geral, que têm sido realizadas pela Polícia Civil, não só em Gurupi, mas em todos os municípios do Tocantins.
 
No mesmo sentido, manifestou-se o delegado-geral da Polícia Civil do Tocantins, Rossílio de Souza Correia, para quem a incineração dos mais de 200 kg de entorpecente representa o comprometimento da Polícia Civil no combate à criminalidade e na manutenção de uma sociedade com mais segurança e tranquilidade.
 
“As ações que vem sendo implementadas pela Polícia Civil em todo o estado têm possibilitado grandes apreensões, o que resulta em expressivas destruições de drogas, como as realizadas nesta quarta-feira, no Sul do Estado. Isso representa o esforço, a dedicação e o comprometimento da Polícia Civil do Estado do Tocantins no combate e na repressão às organizações criminosas que realizam o tráfico de drogas, bem como outros crimes, que tanto mal causam aos cidadãos do Tocantins”, concluiu o delegado-geral.

COMPARTILHE:


Confira também:


Investimento

Em São Paulo, governador Carlesse prospecta investimentos em logística, energia solar e indústrias

Também foi discutida possibilidade de instalação de uma montadora de aviões leves em Gurupi

Sisu

Estudantes podem consultar vagas do Sisu

Podem participar do Sisu os estudantes que fizeram prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 e obtiveram nota na redação acima de zero.


CPI do PreviPalmas

Max Fleury é ouvido na CPI do PreviPalmas

O ex-presidente do PreviPalmas estava no comando quando o instituto fez um investimento na ordem de R$ 30 milhões no Cais Mauá, como também, aplicou R$ 20 milhões no Fundo Tercon.


Fenelon Barbosa

Primeiro prefeito acredita que Palmas será uma das maiores e melhores cidades do Brasil

Ex-prefeito de Palmas conta a história da luta pela criação e construção da mais nova capital do país


Homenageados

Carlesse e vice-governador Wanderlei Barbosa são homenageados em sessão pelos 30 anos de Palmas


Taguatinga

Polícia Civil prende suspeito de estupro de vulnerável no sudeste do Estado


Mandado de prisão

Condenado por roubo é preso pela Polícia Civil em Palmas


Palmas 30 anos

Em entrevista exclusiva, Siqueira Campos diz que Palmas integrou e fortaleceu a economia do Tocantins


Norte do TO

BRK Ambiental leva teatro sobre preservação para mais de 30 escolas do Bico do Papagaio


FORJEF

I Fórum Interinstitucional dos Juizados Especiais Federais do Tocantins termina com balanço positivo



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira