Tuesday, 07 de July de 2020

GERAL


Endividamento

Palmenses continuam acima de média nacional quando o assunto é endividamento

10 Dec 2019

No mês de novembro, a pesquisa que mede o endividamento e a inadimplência dos consumidores de Palmas (PEIC) mostra que os palmenses estão ainda acima de média nacional no índice de endividamento. Já na inadimplência, Palmas está abaixo da média, assim como os que não terão condições de quitar essas dívidas em atraso. Neste mês foram registradas quase 58 mil pessoas endividadas.

Dentre os entrevistados 70,5% estão endividados. Desse total, 61,5% consideram-se pouco endividados e 12,2% estão com dívidas em atraso. Apenas 0,2% não terão condições financeiras para pagar suas dívidas, índice que estava zerado desde fevereiro. Desse nicho de endividados com contas em atraso, 47,5% estão com atrasados por até 30 dias, sendo a média de 42,7 dias.

“O endividamento não é necessariamente negativo, se não for acompanhado de um aumento expressivo da inadimplência. A dívida com responsabilidade e compatível com a renda possibilita a aquisição de bens importantes para as famílias, sejam eles bens duráveis ou até mesmo imóveis”, observou o presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), José Roberto Tadros.

O presidente do Sistema Fecomércio, Itelvino Pisoni, reafirma esse posicionamento. “Nós sabemos que para o comércio se o cliente tem potencial de consumo, seja por crédito ou carnês, isso é bom, pois gera vendas. Porém se as pessoas se endividam e não tem condições de pagar, aí já existe um ponto preocupante para o empresário. Mas o índice no Tocantins ainda está muito abaixo do nacional, então não é necessária uma grande preocupação”, ressaltou.

A maioria dos consumidores, 69,6%, disseram que comprometem sua renda familiar em torno de 11 a 50%, ficando a média em 33,4%. Já sobre o comprometimento em tempo com dívidas, 43,2% estão comprometidos com dívidas que perduram por mais de 1 ano. A média de tempo de comprometimento com dívidas é de 8 meses.

O ranking das principais dívidas continuam sendo: cartão de crédito, financiamento de carro, carnês e financiamento de imóvel.


(Ascom Fecomércio/TO com informações da Ascom/CNC)

COMPARTILHE:


Confira também:


Inscrições Sisu

Começam hoje inscrições para o Sisu

Pela 1ª vez, serão ofertadas vagas na modalidade a distância

Fraudes Bancárias

Polícia Federal desarticula grupo criminoso especializado em fraudes bancárias no Tocantins

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de estelionato majorado, cuja pena pode ultrapassar cinco anos de reclusão.



Saúde

Cuidado com as dores gastroabdominais

Elas podem estar sinalizando para enfermidades como a apendicite, a diverticulite e a colecistite. Especialista alerta para a evolução rápida e risco de morte das três inflamações do abdômen


Sanidade

Novo caso de mormo no Tocantins é confirmado em São Salvador

A constatação veio após a realização do exame complementar confirmatório western blotting


Taquaruçu

Circo de Família e o amor como resposta

O espetáculo “Circo de Família” será apresentado ao vivo a partir das 10h do dia 05 de julho. Os ingressos podem já podem ser adquiridos a partir do valor de R$ 5,00 na bilheteria online.


Prevenção

Campanha Nacional de vacinação contra Influenza é prorrogada até dia 24 de julho


Regulação

ATR implementa atendimento presencial por agendamento


Justiça

Produtividade na Justiça Federal no Tocantins ultrapassa a marca de 26 mil processos julgados durante período de trabalho remoto


Tocantins

Monumento Natural Canyons e Corredeiras do Rio Sono completa oito anos de criação


Infraestrutura

Entrega de máquinas fecha ações do Governo do Tocantins em infraestrutura rodoviária no primeiro semestre de 2020


Economia

Intenção de consumo das famílias de Palmas cai novamente em junho



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira