Friday, 07 de August de 2020

GERAL


TCE e IFTO

Parceria do TCE e IFTO mira garantia e qualidade de obras públicas

12 Jun 2019
Divulgação Parceria do TCE e IFTO mira garantia e qualidade de obras públicas

E o Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO) foi a campo mais uma vez com ações do Controle Externo. E a novidade é o Projeto Quali Obras, uma parceria com alunos do curso de Engenharia Civil, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), campos de Palmas, que visa inspecionar a qualidade de obras públicas, com foco na garantia quinquenal (5 anos), explorando a tecnologia como o uso do drone e da câmera termográfica.

Desenvolvido pela equipe da Coordenação de Análise de Atos, Contratos e Fiscalização de Obras e Serviços de Engenharia (Caeng), que integra a diretoria de Controle Externo do TCE, os alunos e engenheiros, acompanhados do professor responsável pela turma, fiscalizaram nesta terça-feira, 11, a Unidade Básica de Saúde da 1304 Sul, uma das seis obras selecionadas e que estão dentro da garantia quinquenal, já que foi inaugurada em 30 de junho de 2016.

O coordenador da Caeng, Flávio Brito, explicou que os alunos do curso de Engenharia Civil vão elaborar laudos técnicos de edifícios públicos em conjunto com o TCE, para que caso se verifique problemas construtivos, à Corte de Contas proceda com ações cabíveis. “Os estudantes são acompanhados por um auditor do TCE e tutoreados por um professor responsável. Esse projeto tem o intuito de estimular o controle social e auxiliar o sistema de fiscalização, contribuindo no aprendizado dos estudantes envolvidos”, destacou Brito.

 

O professor doutor do curso de Engenharia Civil do IFTO, Moacyr Salles Neto, destacou que esse projeto é voltado para os alunos que estão concluindo o curso. “Para eles isso é fantástico, porque quando terminam o curso, ficam com a sensação que fizeram algo concreto.  Ao mesmo tempo conseguimos proporcionar um retorno a sociedade, ou seja, o gestor ganhará mais alguns anos de qualidade na edificação e os alunos têm sua parcela de contribuição”, afirmou Neto, que é professor da disciplina de Patologia e Reparo de Edificações, da turma do 10° período.

O aluno Adriano de Sousa Santos também reforçou a importância do projeto. “Essa parceria com o TCE ajuda na contribuição para sociedade e na nossa formação. A responsabilidade que ganhamos nesta reta final do curso com esse trabalho já nos prepara para o que vamos enfrentar no mercado de trabalho", afirma Santos.

Durante a fiscalização desta terça-feira, os alunos e engenheiros do TCE além de fotografarem os ambientes vistoriados e realizarem anotações para a elaboração do laudo técnico, eles também utilizaram a câmera termográfica (transforma uma radiação infravermelha invisível ao olho humano em uma imagem visível) e o drone para fazer imagens aéreas do local.   

 

Garantia Quinquenal

 

O foco principal do projeto é atuar dentro da garantia quinquenal, ou seja, obras públicas que foram entregues dentro de um prazo máximo de cinco anos e que terão suas qualidades inspecionadas, para que, caso exista alguma irregularidade, os responsáveis sejam acionados para arcar com o ônus. Um exemplo disto é que, dentro de cinco anos, caso não seja comprovado mau uso, a construtora é responsável pelo ônus apresentado na obra.

 

“Nossa intenção é despertar nos construtores a necessidade de melhorar o padrão construtivo. Fica o alerta ao gestor que é uma obrigação dele cobrar da empresa caso aja necessidade de reparos dentro do período de garantia. Caso não faça isso, estará trazendo para si a responsabilidade”, enfatizou o coordenador da Caeng.

 

O gestor público que não cumprir com suas responsabilidades poderá sofrer sanções como ato de improbidade administrativa e imputação financeira.

 

A garantia quinquenal é assegurada pela Lei de Licitações, Código Civil e interpretação do Código de Defesa do Consumidor (CDC), e tem orientações do Instituto Brasileiro de Auditoria de Obras Públicas (IBRAOP). (Ascom).

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Tocantins registra 828 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins apresenta 30.358 casos no total, destes, 18.609 pacientes estão recuperados, 11.312 pacientes estão ainda em isolamento domiciliar ou hospitalar e 437 pacientes foram a óbito.

TIM

TIM e Motorola promovem workshop online para ensinar pais e filhos a produzirem fotos e vídeos

De acordo com o gerente de marketing da TIM no Centro-Oeste e no Norte, Rafael Nakamura, o objetivo é aproveitar a data comemorativa para aproximar pais e filhos e colocar a tecnologia móvel a serviço das pessoas


Funcionamento do Comércio

Prefeitura de Palmas prorroga horário especial de fechamento de estabelecimentos comerciais; supermercados poderão funcionar até às 22h

Decisão foi publicada na edição 2.548, do Diário Oficial do Município.


Saúde

Defensoria Pública acompanha abertura de novos leitos de UTI covid em hospitais da região norte do Estado

Araguaína ganhou dez novos leitos em hospital particular e outros 07 do Hospital Regional foram reativados voltando a somar 17 leitos totais; Em Augustinópolis, a previsão é que seja inaugurada UTI no próximo dia 13


Obras

Revitalizações na Graciosa e em quadra poliesportiva da Arno 33 trarão melhorias aos espaços de lazer e esporte de Palmas


Saúde

Especialista em epidemiologia toma posse como nova secretária municipal da Saúde de Palmas


Covid-19

Governo do Tocantins amplia oferta de leitos de UTI Covid em Araguaína


Pandemia

Crise na saúde: Nusa requer que hospitais privados cumpram compromisso judicial e atendam pacientes do SUS


COVID-19

Secretaria da Saúde recebe doações de testes rápidos da Receita Federal do Brasil


Saúde

Covid-19: em uma semana, 12 pacientes já foram transferidos das UPAs para leitos em hospitais particulares da Capital



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira