Friday, 13 de December de 2019

GERAL


Palmas

Seder tem objetivo de ampliar oferta de produtos certificados pelo Serviço de Inspeção Municipal

16 Jun 2015

A alimentação é fundamental para a garantia de boa saúde. Para isto o consumidor deve ficar atento à origem dos alimentos adquiridos, principalmente àqueles que exigem manipulação. Para garantir a segurança alimentar e qualidade de produtos ofertados ao cidadão de Palmas, a Secretaria de Desenvolvimento Rural (Seder) mantém o Serviço de Inspeção Municipal (SIM).

 

O SIM certifica os produtores quanto à origem e à qualidade de manipulação dos produtos. O Serviço de Inspeção Municipal é regido pela Lei Municipal nº 803/1999, que trata da inspeção industrial e sanitária e pela Lei nº 1228/2003, que trata dos produtos artesanais. Dentre os principais produtos acompanhados pelo órgão estão produtos de origem animal, como embutidos cárneos, queijo, ovos, mel, doces, biscoitos e temperos.

 

O selo é um atestado da boa procedência e da qualidade dos produtos certificados.  "O acompanhamento é realizado desde a chegada da matéria-prima até a embalagem e conservação deste alimento que será comercializado no município de Palmas", explica o gerente do SIM na Seder, Wesley Rodrigues Farias.

 

Segundo o gerente, a Seder está trabalhando para ampliar o número de produtores que possuem o Selo no município, que atualmente são 20, mas reforça que o consumidor tem papel fundamental nesse processo, uma vez que cabe a ele exigir do comerciante que o produto tenha certificação. "O produto certificado possui um custo um pouco maior, mas tem a garantia de que todo o seu processo de fabricação, manipulação e acondicionamento estão conforme as normas de segurança alimentar", frisa.

 

Em Palmas o foco da Seder é certificar os produtores de ovos, queijos, leite, espetinhos, cortes e fracionamentos. Até a próxima semana mais quatro produtores devem receber a Certificação, além de um grande supermercado da Capital, que está concluindo seu processo de adequação às normas do SIM, para a área de cortes fracionados de carnes, frios, aves e peixes. "Queremos que nossos produtores sejam capazes de atender toda a demanda da cidade com produtos certificados", reforça o secretário da Seder, Roberto Sahium.

 

Produtor

 

Se para o consumidor a certificação oferece a garantia de um alimento seguro, para o produtor o Selo agrega valor e qualidade ao produto final. Quem obtém o Selo sai da clandestinidade, formaliza seu empreendimento e pode entrar em mercados mais exigentes.

 

A renovação do selo SIM é válida por um ano e torna estas empresas aptas a comercializar seus produtos. Uma equipe, formada por engenheiro agrônomo e médicos veterinários, realiza visitas diárias aos estabelecimentos para inspecioná-los antes de certificá-los.

 

O interessado em obter o selo SIM para seu produto deve procurar a Gerência de Inspeção Municipal da Seder e solicitar através de requerimento próprio sua inclusão no sistema responsável pela normatização, liberação, supervisão e fiscalização dos produtos de origem animal e vegetal. Mais informações – 2111-2602.

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Saque complementar do FGTS será liberado no próximo dia 20

Medida vale para contas com saldo de até um salário mínimo

Recursos

ATM pede celeridade em execução de obras do empréstimo e diz que há pouca informação sobre contratação

Presidente da ATM e prefeitos participam da solenidade de assinatura do protocolo entre Estado e Caixa e sentem falta de detalhes operacionais de execução das obras nos Municípios



Teatro

Grupo de teatro aborda temática do suicídio em espetáculo teatral para estudantes de escola pública em Taquaruçu

Para o cenário do espetáculo, são utilizados andaimes para reproduzir não apenas ambientes, como também os esforços físicos e psicológicos dos personagens.


Palmas

Sessão de encerramento do ano legislativo é marcada por reflexões e agradecimentos

Também usaram a tribuna durante a sessão com os mesmos propósitos, os vereadores Folha Filho (PSD), Diogo Fernandes (PSD), Irmão Jairo (PSL), Adão Índio (Cidadania), Milton Neris (Progressistas), Moisemar Marinho (PDT), Jucelino Rodrigues (PSC), Tiago Andr


Disparidade

Pesquisa do Procon Tocantins aponta variação de até 177% nos produtos da ceia de natal

Ao todo, 80 produtos foram pesquisados, entre eles entre carnes, azeites, bombons, farofas prontas, frutas, bebidas e panetones.


Indústria

Governador Mauro Carlesse recebe empresários do ramo ótico da Kenerson


Câmara aprova emenda de Tiago Dimas e garante poderes para municípios licenciarem serviço de saneamento


Tocantínia

Polícia Civil deflagra operação Risca Faca e prende suspeito por tentativa de homicídio no interior do Estado


Palmas

LDO é aprovada em sessão extraordiária. Orçamento ultrapassa R$1,3 bilhões


Pedro Afonso

Polícia Civil recupera 32 cabeças de gado furtadas na cidade no último fim de semana


Ação

TIM é a primeira operadora a ser nomeada empresa Pró-Ética pela Controladoria-Geral da União



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira