Thursday, 01 de October de 2020

GERAL


Campo

Unitins realiza capacitação para agricultores sobre o plantio de soja visando produção de biocombustível

16 Apr 2015

Desta vez, o público alvo são pequenos produtores ou agricultores (as) familiares para a comercialização de grãos visando a produção de biocombustível.

No Tocantins, uma empresa localizada na região central do Estado já possui 24 pequenos produtores e agricultores familiares cadastrados para entrega de soja por meio do Selo Combustível Social com base no Decreto nº 5.297, de 6 de dezembro de 2004 do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), que permite ao produtor de biodiesel ter acesso as alíquotas de PIS/Pasep e Cofins com coeficientes de redução diferenciados para o biodiesel, desde que haja um percentual de 15% de matéria-prima oriunda da produção dos agricultores familiares. De acordo com a empresa, para este ano, está prevista a comercialização de 90 mil toneladas de soja oriundas de pequenos produtores tocantinenses.

Segundo o pesquisador da Unitins, o professor Tadeu Teixeira Júnior, durante a realização da Agrotins, várias atividades serão desenvolvidas visando a transferência de tecnologia e conhecimentos, como palestras, visitas a unidades demonstrativas, além de um circuito temático focado no melhoramento da cadeia produtiva de grãos. "Nosso objetivo é que as nossas pesquisas, nossos trabalhos, cheguem ao agricultor", ressaltou. Conforme o pesquisador, empresas produtoras de biocombustível presentes no Tocantins buscam a comercialização de soja produzida por pequenos produtores e agricultores familiares para isso. Ainda neste ano, será implantada uma unidade demonstrativa de soja em Projetos de Assentamento (PA) em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins).
 
Novos negócios

O pequeno produtor José Poli, agricultor no município de Cristalândia, a 165 km de Palmas, optou por investir no plantio de cerca de 80 hectares de sua propriedade, em parceria com seu irmão, Juraci Poli. De acordo com o produtor, esta é a segunda vez que eles investem no segmento de grãos, cuja colheita da safra já possui destinação à indústria de biocombustível. Para José Poli, o maior incentivo para o plantio foi o preço pago no valor da saca. "Além do valor pago ser maior, a proximidade com a indústria reduz gastos com transporte", afirmou.

Já o pecuarista Gustavo Costa Lima, por meio de assistência técnica do Ruraltins, optou por realizar plantio de soja no município de Pium, a 181 km de Palmas. Segundo ele, visando melhorar o solo para novo plantio de capim, ele vai cultivar soja em 75 hectares em sua propriedade localizada naquele município e afirma que vai vender a produção para empresas produtoras de biocombustível. "Vamos iniciar o plantio no final do ano, mas já estamos discutindo com a empresa sobre a comercialização de toda a safra", afirmou.

De acordo com o analista de transferência de tecnologia da Embrapa no Estado, Cláudio França Barbosa, todo o planejamento no meio rural para se conduzir um cultivo necessita de planejamento que envolve análise de risco, técnico e comercial. Segundo o analista, estudos realizados em pequenas propriedades apontaram o plantio de soja para a comercialização interna visando a produção de biocombustível, como também a comercialização no mercado externo. "Hoje, nós temos propriedades em que fizemos análises de risco de agricultores familiares e tivemos resultado positivo na análise de risco no cultivo de soja, em relação a outras culturas. O que tem se percebido é um aumento de área plantada e produtores interessados em plantar soja. Pelo ritmo que temos acompanhado é provável que o Tocantins ultrapasse o volume de produção do oeste baiano até 2016", afirmou.
 
Números

Dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) indicam que a produção de grãos no Brasil da safra 2014/2015 está estimada em 200,7 milhões de toneladas, 3,6% ou 7,1 milhões de toneladas a mais do que a última, quando foram colhidas 193,6 milhões. Ainda de acordo com dados da Conab, o Tocantins é responsável por mais de 50% da produção de soja na região Norte do País.

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

Tocantins registra 642 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins contabiliza 207.629 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 68.606 casos confirmados. Destes, 52.208 pacientes estão recuperados, 15.450 pacientes seguem em isolamento domiciliar ou hospitalar e 948 pacientes foram a óbito.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira