Sunday, 20 de September de 2020

OPINIÃO


Opinião

Antes de postar pense duas vezes

03 Oct 2012

Por Geslan Santana - geslan_lan@hotmail.com

Hoje em dia, está conectado à internet tornou-se necessidade, contudo há de se ter cautela.

Diferenciar o público do privado tem sido um desafio para os usuários, que por vezes excedem esses limites.

Diante do gigantismo da rede, a falta de leis que reprimam ou coíbam os crimes cibernéticos favorece a insegurança.

O uso das redes sociais cresce de forma vertiginosa, tendo papel protagonista em revoluções sociais a exemplo da "Primavera Árabe".

A pergunta é : Está a sociedade fazendo um bom uso dessas ferramentas? Por vezes há confusão entre o que deve ficar reservado e o que pode vir a ser postado, está cada vez mais tênue a linha que separa esses dois mundos.

Após ser legitimado como garantia fundamental, o acesso à internet tende a crescer, sobretudo, o uso das redes sociais.

Em diversos países, dentre eles o Brasil, faltam leis voltadas ao setor; incentivar o acesso sem, contudo oferecer dispositivos legais que garantam segurança apresenta-se um tanto precipitado.

Logo para os diferentes campos dessa problemática há soluções que se mostram aplicáveis, em relação ao usuários o uso da rede com urbanidade é uma medida necessária,uma vez que o convivo em rede se assemelha ao real.

No âmbito governamental políticas públicas voltadas ao acesso tanto a fim de garanti-lo como a tronar o ambiente mais segura são medidas imprescindíveis.

COMPARTILHE:


Confira também:


Covid-19

Tocantins registra 717 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins contabiliza 192.422 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 63.167casos confirmados. Destes, 45.266 pacientes estão recuperados, 17.035 pacientes seguem em isolamento domiciliar ou hospitalar e 866 pacientes foram a óbito.

Economia

Vice-governador articula relação do Basa com Governo para prorrogação de decreto que garante crédito especial às empresas afetadas pela pandemia

No total, foram disponibilizados o montante de R$ 2 bilhões para empresas a taxas de juros de 2,5% ao ano, bem abaixo ao praticado no mercado, e com prazo de carência até oito meses.


Justiça

Magistrado Pedro Nelson de Miranda Coutinho é o mais novo desembargador do Judiciário tocantinense

Além do corregedor-geral da Justiça, votaram os desembargadores Marco Villas Boas, Moura Filho, Jacqueline Adorno, Ângela Prudente, Eurípedes Lamounier, Maysa Vendramini, Etelvina Maria Sampaio Felipe e, por último, o presidente Helvécio Maia Neto.


Obras

Governador Carlesse assina Ordem de Serviço para recuperação de estradas vicinais em três municípios

Serviços serão executados em Cristalândia, Lizarda e Paranã


Justiça

Ministério Público expede parecer favorável a Delegados após Corregedoria instaurar sindicâncias


Eleições 2020

Prefeita Cinthia Ribeiro fecha convenção com apoio de seis partidos


Emprego

Sine Tocantins orienta trabalhadores para uma boa entrevista de emprego. Nesta quarta, 16, são 403 vagas no Estado


Covid-19

Boletim coronavírus (Covid-19): taxa de internações hospitalares sofre redução na Capital


Economia

Procon Municipal de Palmas divulga pesquisa de preços dos itens da cesta básica


Agricultura

Governo do Tocantins e Ministério da Agricultura retomam convênio e fortalece assistência a agricultores familiares



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira