Wednesday, 20 de March de 2019

OPINIÃO


Viver

O futuro não chega, nós o criamos

19 Jan 2017

Não acredito na sorte. Não tenho medo do azar. Não vivo esperando que "tudo se ajuste no fim". Creio que o Deus maquinista, aquele que conduz a história pelos trilhos de sua vontade soberana, é um ídolo.

Gente tem força de definir rumos. Nós estabelecemos destinos – somos pedra no caminho ou ponte que emenda rupturas; somos o fim de picada ou a avenida da possibilidade; somos péssima memória ou saudade sorridente; somos um ombro amigo ou a causa da úlcera.
Responsáveis de alguma forma por rostos felizes, curamos. Geradores de angústia, enfermamos. Nossa companhia carrega a possibilidade de fortalecer a autoestima ou de traumatizá-la. Ensinamos o como de dar a volta por cima ou empurramos para a lama.

Fomos criados para ser criadores. Na breve história humana sobram registros do processo como culturas ultrapassaram seus obstáculos. Se morder carne crua era difícil, aprendemos a cozinhar. Se a visão dos mortos apodrecendo a céu aberto aumentava a dor, aprendemos a enterrá-los. Se mover um fardo levava tempo e desperdiçava energia, criamos a roda.

A história também teve o lado. escuro. Quando os movimentos de ir e vir pareciam incentivar a liberdade e ameaçar a autoridade do líder, inventamos as cercas. Para aumentar o domínio territorial e preservar a riqueza, organizamos exércitos. Para perpetuar o poder da tribo, refinamos a arte da guerra. Para fazer valer a chacina, colocamos Deus na equação da barbárie.

O futuro não chega apenas, nós o criamos. Redesenhamos o amanhã inédito. Evitamos o que considerávamos inevitável. O futuro chegou, por exemplo, para Maria, que os amigos feririam na escola. Por onde ela andará, o que sofre atualmente?

Quando o pai de Antônio o decepcionou, que futuro preparou para o filho? Os meninos, que o líder religioso navalhou, vivem qual destino? Em que medida a professora foi responsável pela sensibilidade, ou pela desgraça, do poeta? Como a mulher  resolve hoje o trauma de sofrer um abuso sexual na adolescência? Alguém pode rir, ou padecer, como resultado das ações de outras pessoas.

A palavra falada, a reação impensada, o elogio espontâneo, o comentário despretensioso, tudo serve de argamassa para a construção do amanhã. Fatalismo paralisa. Ingenuidade e passividade se confundem. Desdém e covardia mascaram. Deixar "rolar para ver o que acontece" pode ser apenas fuga. Crer que "Deus tem tudo sob seu controle e tudo acabará em bem", desfigura a esperança. Não há escapatória: "o que será, será" legitima as aberrações históricas.

As estrelas não afetam a vida (elas estão longe demais). Se a lei da gravidade está certa, a massa das pessoas que nos rodeia exerce uma força tremendamente maior. O Deus enxadrista, que mexe com vidas como se fossem peões em um tabuleiro, não existe. Eis a questão essencial: em nossa liberdade, somos fator de sorte ou de azar?

Soli Deo Gloria
 
-----------------------------------------------------------
Ricardo Gondim é escritor e teólogo,  presidente  da Convenção Betesda Brasil. E-mail:  ricardogondin2@gmail.com

COMPARTILHE:


Confira também:

Crônica
O TEMPO

Redução

Aneel diz que pagamento de empréstimos reduzirá tarifa de energia

A quitação antecipada vai gerar economia de R$ 8,4 bi para consumidor

Transplantes de Córneas

Estado realizou 128 transplantes de córnea por intermédio e captação do Banco de Olhos

Oftalmologista, responsável técnica do BOTO, Doutora Núbia Maia aconselha o diálogo familiar sobre a doação de órgão para sanar a dúvida da família.


Crime

Corte estético de cauda e orelha de animais é crime ambiental

Além disso, os cães de cauda comprida possuem essa estrutura anatômica como contrapeso em corridas. “O corte acaba interferindo no equilíbrio natural do animal”, afirma.


Lançamento

Campanha da Fraternidade 2019 é lançada na Câmara Municipal

Durante sessão solene de quarta feira, 20, o Arcebispo Metropolitano Dom Pedro Brito Guimarães lançou a Campanha da Fraternidade 2019, na Câmara Municipal.


Balanço

ICMS Ecológico encerra prazo com adesão de 136 municípios


Energisa ouve clientes em audiência pública sobre projetos de eficiência energética


Palmas

Estudantes da UFT vencem 1º Prêmio do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins


18 de março

Dia da Autonomia homenageia luta de antepassados pela emancipação do norte de Goiás


Norte

Saúde negocia com profissionais para iniciar serviço de radioterapia em Araguaína


Boa forma

Diva Fitness choca seguidores nas redes sociais com foto de seu antes e depois



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira