Tuesday, 20 de October de 2020

POLÍTICA


Municípios

ATM convoca prefeitos para Mobilização em Brasília dia 17

13 Sep 2019
ATM convoca prefeitos para Mobilização em Brasília dia 17

A Associação Tocantinense de Municípios (ATM) convoca prefeitos e demais gestores municipais a participarem de Mobilização Municipalista que ocorrerá dia 17 de setembro, no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, em Brasília. Dentre as pautas estão a manutenção dos critérios do Fundo de Participação de Municípios (FPM) para distribuição dos recursos da cessão onerosa do pré-sal e a reinclusão dos Entes municipais com Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) na Reforma da Previdência, entre outros pleitos.

A mobilização é encabeçada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), com apoio das entidades estaduais municipalistas, como a ATM. Segundo a CNM, a previsão é que gestores de todo o país estejam reunidos para sensibilizar deputados e senadores para projetos que aguardam votação e têm grande impacto na administração local. O encontro será no auditório Nereu Ramos, da Câmara dos Deputados, a partir das 14h. A CNM pede que, em razão da lotação do auditório, os interessados confirmem participação no site.

“Estamos evidenciando mudanças positivas nas relações entre os entes da Federação, e os Municípios estão sendo beneficiados em diversos pontos, inclusive com o recebimento de recursos. Porém, vale sempre lembrar que muitas conquistas vieram com pressão e reivindicação na capital federal. Precisamos estar unidos para alcançarmos novos benefícios aos Municípios”, disse o presidente da ATM e prefeito de Pedro Afonso, Jairo Mariano.


Pautas

Os Municípios conquistaram no plenário do Senado no início de setembro a aprovação da Proposta de Emenda a Constituição (PEC) 98/2019, que prevê o repasse de parte da arrecadação da União com o megaleilão de petróleo agendado para 06 de novembro. São esperados R$ 10,9 bilhões para os Municípios. Na Mobilização do dia 17, os municipalistas devem lutar pelo critério de distribuição do Fundo de Participação dos Municípios.

Outra importante pauta considerada pelo movimento municipalista é a Reforma da Previdência, definida na PEC 06/2019. Segundo a CNM, Durante apreciação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, o relator, Tasso Jereissati (CE), criou uma proposta paralela reincluindo os Entes subnacionais. Pelo texto, porém, a adoção das novas regras de aposentadoria pelos 2.108 Municípios com RPPS dependerá do aval do Poder Legislativo local. Se o Estado aprovar legislação, a medida se estenderá aos Municípios.

Nessa pauta, os prefeitos lutam pela modificação por três pontos: a reinclusão automática, a manutenção da possibilidade de migração do Regime Geral para Regime Próprio, e o rompimento do vínculo de servidor aposentado das prefeituras de forma retroativa. Para isso, poderá ser apresentada emendas em plenário. O texto ainda precisa voltar para a Câmara, portanto será preciso forte mobilização dos gestores com senadores e deputados.


1% FPM Setembro, Licitações e Lixões

Segundo a CNM, O 1% do FPM de setembro, previsto na PEC 391/2017; a Nova Lei de Licitações, do Projeto de Lei (PL) 1292/1995 e apensados; a redistribuição do Imposto Sobre Serviços (ISS) conforme o Projeto de Lei Complementar (PLP) 461/2017; e a prorrogação do prazo dos lixões, estabelecido no PL 2289/2015 também constam na lista da mobilização.

As quatro propostas aguardam que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM) paute em sessão plenária. Essa definição depende, em grande parte, de acordo com os líderes. Até mesmo para que as matérias sejam, não apenas inseridas na Ordem do Dia, mas votadas de fato. O 1% do FPM depende apenas dessa etapa para ir à promulgação. Já ISS e lixões tramitam em caráter de urgência e ainda precisariam voltar ao Senado. Licitações teve o texto base aprovado e aguarda votação dos destaques para também ir para a Casa vizinha.

COMPARTILHE:


Confira também:


Ocorrência

Ação da Polícia Civil resulta na libertação de refém e na prisão de cinco homens, incluindo um policial civil aposentado do Maranhão

Mulher foi mantida refém desde o último sábado e era ameaçada de morte por conta suposta dívida contraída pelo marido.

Tocantins

Governo do Tocantins moderniza unidades de atendimento do É Pra Já

Através da capacitação dos servidores e melhorias na infraestrutura, as Unidades garantem atendimento de qualidade aos cidadãos


Palmas

Eli Borges se reúne com produtores rurais onde apresenta suas propostas para gerar cerca de 3 mil empregos no campo

Eli Borges vai buscar mecanismos para fomentar a instalação de agroindústrias; fortalecer o projeto de criação de peixe em cativeiro; atrair indústrias para processamento do pescado; e perfurar poços artesianos para os produtores que enfrentam a falta d’ág


Palmas

Cinthia Ribeiro diz que som ambiente com voz e violão está liberado em Palmas, sem aglomeração

Com o entendimento sobre a liberação do som ambiente, mas desde que não ocorra aglomeração, a Prefeita Cinthia frisou: “em nenhum momento proibimos o som ambiente, mas os shows e aglomerações sim"


Eleições 2020

Alan Barbiero ressalta implantação da UFT e reforça compromisso com a educação


Ruth Almeida

História da chef Ruth Almeida é contada em festival de gastronomia no Maranhão


Agentes

Para ampliar as ações de proteção ambiental, Cinthia promete concurso para Agentes de Fiscalização


Palmas

Joseph Madeira se reúne com músicos impedidos de trabalhar pela Prefeitura


IPTU

IPTU de 2021 em Palmas não terá aumento e taxa para eventos será suspensa, garante Cinthia


Estado

Governo do Tocantins promove reuniões on-line para orientações aos municípios



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira