Thursday, 29 de October de 2020

POLÍTICA


AL

Prof. Júnior Geo solicita soluções para problemas da educação e questiona escolas fechadas

10 Feb 2019
Prof. Júnior Geo solicita soluções para problemas da educação e questiona escolas fechadas

O deputado professor Júnior Geo (PROS) solicitou esclarecimentos e soluções para demandas da educação no estado em reunião com a secretária de educação, Adriana Aguiar, nesta quinta-feira, 7. Na ocasião, Geo levantou questionamentos sobre os impactos dos fechamentos das escolas no Tocantins e demonstrou sua preocupação a exemplo da cidade onde estudou.

“Cresci em um bairro chamado Jardim Municipal, popularmente denominado Lavandeira, e ali nós tivemos uma escola fechada”, destacou Geo lembrando que é um bairro com o poder aquisitivo não elevado e com o fechamento das escolas, os jovens serão submetidos a se deslocarem para outro setor do município de Porto Nacional. “Aí me vem a dúvida, se o deslocamento deles para a nova unidade de ensino vai ser feito pelo poder público”, disse.

A secretária afirmou que das 21 escolas que estão em discussão, 15 foram cedidas aos municípios e as outras seis têm casos específicos e diferentes que trouxeram a necessidade. “É importante lembrar que não estamos fechando ou doando essas escolas, estamos tendo o cuidado de ceder e avaliar cada caso”, destacou Aguiar.

Geo afirmou que fará um cronograma de visitas às escolas do Tocantins e pediu que a secretaria vá além dos números. “Gostaria de pedir que não ocorra uma avaliação numérica sobre a educação. Sempre antes de avaliar os números, avaliem a questão social”, disse.

Os dados sobre a situação atual da educação ficaram de ser encaminhados ao deputado e agora presidente da Comissão de Educação, Cultura e Desporto na Casa de Leis. Geo se inteirou de alguns problemas pontuais e se dispôs a contribuir com a educação no que estiver ao seu alcance.
 
Questionamentos a serem respondidos pela secretaria
-Qual é a quantidade de professores contratados dentro da Secretaria de Educação?
-Existe previsão para realização de concurso público? Qual o cronograma para realização do concurso?
-O atual quadro de professores supre a necessidade da rede de ensino estadual?
-O pagamento das data base, progressões e titularidades para os professores estão sendo realizados? Se não, qual o cronograma para ser efetivados?
-Houve estudo que embasa o fechamento das escolas estaduais?
-Quem são os responsáveis pelo estudo?
-Houve reunião com a comunidade atendida?
-Quais são as escolas próximas, a respectiva distância entre elas, bem como, a capacidade de atender os alunos?
-Qual é o quadro atual de lotação e também a compatibilidade entre a capacidade técnica dos servidores e as atividades desenvolvidas?
-Qual a influência de um eventual desvio de função no Plano de carreiras, cargos e remuneração (PCCR) caso haja servidores alocados em atribuições que não sejam inerentes a sua função originária?
-Como esses alunos serão transportados?
-Qual o número de matrículas nas escolas em 2016, 2017 e 2018?
-Há plano de acomodação dos servidores afetados pelo fechamento das escolas?
-Qual o impacto financeiro no orçamento do estado? Quais os objetivos que o Estado espera atingir com o fechamento das escolas? Qual é o quadro atualmente apresentado que busca ser superado?

COMPARTILHE:


Confira também:


Perspectiva

Confiança do empresário do comércio palmense volta a subir em outubro

A maior parte dos entrevistados (88,1%) disseram possuir a expectativa de aumentar o número de funcionários, o que também traz esperança a milhares de desempregados.

Meio Ambiente

Naturatins autua BRK Ambiental em mais de 8 milhões de reais por poluição ambiental

As autuações contra a BRK ambiental ocorreram em virtude de a empresa lançar de forma irregular efluentes nos recursos hídricos do Estado do Tocantins, acima dos padrões exigidos pela legislação ambiental.


Região Central

Em Lajeado, Polícia Civil prende em flagrante suspeitos de roubo e estupro

O roubo foi praticado pelos vizinhos das vítimas. Além da subtração de objetos, os suspeitos teriam estuprado a mulher.


22º BI

22º Batalhão de Infantaria do Exército Brasileiro comemora 25 anos de criação

O batalhão foi criado por meio da Portaria Ministerial nº 077, de 27 de outubro de 1995, e designado herdeiro das tradições do extinto 22º Batalhão de Infantaria Motorizado (22º BIMtz), localizado na cidade de Barra Mansa, no estado do Rio de Janeiro.


Aleto

CCJ da Assembleia Legislativa analisa projetos para pandemia


Aleto

Projeto de Lei do deputado Valdemar Júnior cria Semana Estadual de Conscientização, proteção e orientação sobre a Síndrome de Rett


GT

Grupo de Trabalho-Terminais debate projeto de Concessão dos Terminais Rodoviários do Estado


Eleições 2020

Na Fecomércio, Prefeita Cinthia apresenta propostas de retomada da economia pós-pandemia


Interior

Carlesse autoriza recuperação de estradas vicinais e Colégio Militar de Cristalândia


TO Seguro

Empreendedores do Jalapão aderem ao TO Seguro para garantir a saúde dos turistas e trabalhadores do setor



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira