Saturday, 18 de January de 2020

POLÍTICA


TJTO

TJ garante apoio à iniciativa de Kátia Abreu para aumentar adoção de crianças acima de três anos

15 Oct 2019
TJ garante apoio à iniciativa de Kátia Abreu para aumentar adoção de crianças acima de três anos

Em reunião nesta segunda-feira (14), o presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins, desembargador Helvécio de Brito Maia Neto, manifestou à senadora Kátia Abreu (PDT-TO) e aos signatários da Carta de Palmas apoio total para resolver o problema da adoção tardia – de crianças e adolescentes acima de três anos - no Estado.

Esta foi a terceira reunião do grupo desde a realização de um seminário no final de agosto, promovido pela parlamentar, para debater o tema. Atualmente, no Brasil, mais de 9 mil crianças e adolescentes aguardam na fila da adoção. Mais de 70% têm entre 6 e 17 anos. Ao mesmo tempo, o número de pessoas dispostas a adotar ultrapassa os 46 mil.

O desembargador recebeu a Carta de Palmas, assinada por diversas instituições com metas para amenizar o problema da adoção tardia e se comprometeu em auxiliar naquilo que estiver no âmbito do Judiciário. Neto também adiantou à senadora Kátia Abreu que será realizado um mutirão para aperfeiçoar os dados de adoção no estado. Ao mesmo tempo, serão ampliados os cursos sobre adoção oferecidos tantos às pessoas que têm interesse em adotar quanto aos servidores do Judiciário.

Kátia Abreu também recebeu um Termo de Cooperação assinado pelo TJ, Corregedoria de Justiça de do Tocantins, prefeitura de Palmas e casas de acolhida para a elaboração de um projeto de apadrinhamento. O tema tem o apoio da senadora Kátia Abreu, como uma forma de dar atenção aos menores que estão em abrigos aguardando pela adoção.

Assinam a Carta de Palmas a senadora Kátia Abreu, a deputada estadual Amália Santos, a jornalista Roberta Tum, a defensora Pública e coordenadora do Núcleo Especializado de Defesa da Criança e do Adolescente (Nudeca) Fabiana Razera Gonçalves, a defensora Pública da 2ª Defensoria da Família, Infância e Juventude de Porto Nacional, Elisa Maria Queiroz, o promotor de Justiça Sidney Fiori Júnior e a Juíza da 3ª Vara Cível, Família,  Sucessões, Infância e Juventude de Porto Nacional, Hélvia Túlia Sandes Pedreira.

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Governo do Tocantins e Conselho Regional de Administração firmam parceria para fomentar empreendedorismo

Parceria entre o Governo do Estado e CRA visa otimizar o desenvolvimento econômico e social do Estado

Economia

Confiança dos empresários do comércio cresce em janeiro

Com relação a gestão de suas empresas, 69% dos entrevistados falaram que esperam aumentar um pouco o número de funcionários em sua empresa.


Educação

Educadores participam de Curso de Liderança e Gestão Educacional

Durante esses dois dias de formação os educadores serão conduzidos pelo conferencista, palestrante e consultor em Educação e Gestão, Renato Casagrande, que os levará a desenvolverem competências comportamentais, conceituais e técnicas de forma que estes at


SES

Mutirão da Corregedoria da SES garante mais de R$ 3 mi em estoque de materiais e medicamentos

Foram analisadas as responsabilidades em casos de produtos não entregues, entregues parcialmente ou com atraso na entrega à SES


Ageto

Governo realiza roçagem de rodovias do perímetro urbano de Palmas


Seduc

Educação amplia atendimento para cadastro de matrículas de alunos novatos na rede estadual


Moradia

Governo inicia entrega de casas no Jardim Taquari em fevereiro


Abastecimento

Estado distribui vacina pentavalente a todos os municípios tocantinenses


Educação Superior

Unitins divulga lista com locais de provas do Vestibular 2020/1 do Câmpus Paraíso


Palmas

AASJN realiza XVIII Encontro de Musicistas, 4º Prêmio Músico Nota 10 e debate Campanha da Fraternidade 2020



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira