Monday, 09 de December de 2019

POLÍTICA


Violência Conjugal

Vítimas podem receber benefícios

05 Nov 2008

Projeto de Lei apresentado na manhã desta terça-feira, 4, pelo deputado José Geraldo (PTB) propõe medidas de apoio às mulheres vítimas de violência conjugal. O projeto visa incentivar as vítimas a denunciarem as agressões sofridas em casa.

A proposta de José Geraldo prevê que o Estado priorize as vítimas de violência conjugal em programas assistenciais. “Além de sofrer com os crimes nas ruas, as mulheres brasileiras têm de enfrentar a violência que ocorre dentro de suas próprias casas”, comentou o autor.

De acordo com a proposta, dentre os benefícios oferecidos pelo estado a estas mulheres, estão inclusos cursos de capacitação profissional, encaminhamento para empregos formais e assistência especializada para micronegócios. Estes benefícios seriam concedidos por meio dos órgãos públicos estaduais.

Para serem contempladas, será exigida a comprovação do crime com boletins de ocorrência, emitidos por delegacias especializadas, e certidões de acompanhamento psicológico de entidades assistenciais.

COMPARTILHE:


Confira também:


COP 25

Agenda do Estado na COP 25 busca investimentos para a estratégia Tocantins 20-40 e para o programa Pátria Amada Mirim

Reuniões com investidores europeus e participação ativa na Amazon-Madrid também estão no cronograma

Câmara

Damaso integra comissão especial que irá debater PEC da 2ª instância

A Constituição estabelece que ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória. Atualmente, o trânsito em julgado ocorre depois do julgamento de recursos aos tribunais superiores


CGE

Controladoria e parceiros realizam evento em alusão ao Dia Internacional Contra a Corrupção nesta segunda, 9

Programação contará com premiação de vencedora da rede estadual do Concurso de Desenho e Redação da CGU sobre o mesmo tema.


Carlesse

Carlesse participa da troca de comando no Corpo de Bombeiros e destaca importância de uma mulher assumir o 1º Batalhão

Tenente-coronel Andreya de Fátima Bueno é a primeira mulher a assumir o posto de comando de batalhão no Estado


Palmas

Arte leva esperança e tranquilidade aos pacientes do HGP


Infraestrutura

Governo realiza recuperação de pontos críticos da TO-239 entre Itacajá e Itapiratins


Região central

Polícia Civil conclui investigações sobre estupro de vulnerável em Miranorte


Solidariedade

Governo atende mais de 30 aldeias indígenas no Tocantins com o Criança Feliz


Capital por um dia

Governador anuncia implantação de Colégio Cívico-Militar em Miracema


"Salve Maria"

Modelo do aplicativo “Salve Maria” poderá ser implantando no TO



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira