Thursday, 09 de July de 2020

SAÚDE


Conscientização

Com incentivo do Estado, partos naturais superam a média nacional

26 Jan 2015

Com o objetivo de assegurar à mulher o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada durante a gravidez, o Governo do Estado incentiva o parto natural, por ser mais seguro para a mãe e o bebê.  O parto cesariano é reservado apenas para as situações em que existe recomendação médica.

Com a implementação da Portaria Ministerial nº 1459, de 24 de junho de 2011, que instituiu a Rede Cegonha, os 139 municípios e 14 maternidades tocantinenses começaram a trabalhar para incentivar o parto natural. A expectativa é diminuir cada vez mais o número de cesáreas. Em 2014, de acordo com os dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus), dos 19.759 partos realizadas no Sistema Único de Saúde (SUS), 54% foram naturais, saindo à frente da média nacional.

Há cinco anos, o Brasil cruzou a linha dos 50% de partos por cesárea. Para diminuir o índice desse tipo de parto, o Ministério da Saúde e Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicaram neste mês resolução que estabelece normas para estímulo do parto normal e a consequente redução de cesarianas desnecessárias na saúde suplementar.

Em Palmas, o Hospital e Maternidade Dona Regina é referência para todo o Estado em parto humanizado. Cerca de 500 crianças nascem por mês na unidade, 40% são cesarianas. De acordo com o diretor técnico do hospital, Fábio Moraes, para diminuir cada vez mais esse índice está sendo realizado um trabalho de conscientização junto às pacientes. "O serviço de assistência horizontal é um serviço que tem ajudado a diminuir esse índice, mas temos um aumento no número de partos", apontou.

Parto natural 
Conformes explicou Moraes, nos casos em que se indica o parto normal, a paciente tem muitas vantagens. "A mulher vai ter uma recuperação mais rápida, a chance de desconforto respiratório para o bebê é menor, a chance de infecção para mãe e filho também diminuem. A recuperação clinica, cirúrgica, o uso de medicamentos também é menor", explicou.

A dona de casa Luíza Divina, deu à luz ao seu quarto filho recentemente. Ela já fez uma cesariana, mas destaca que prefere o parto natural. "Já tive cesariano, mas depois estouro os pontos, a gente tem que esperar muito tempo de resguardo. No parto natural, a dor é só na hora e a recuperação é mais rápida", ressaltou.  

Já a estudante de Serviço Social Marcilene Pereira de Melo optou pelo parto natural para ter seu primeiro filho. "Como não moro com minha mãe, é mais difícil fazer o parto cesariano. Exige mais cuidado é mais demorado para se recuperar. As pessoas falam bem do parto natural e todo mundo indica, por isso optei pelo parto natural", apontou.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Tocantins registra 406 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins apresenta 13.845 casos no total, destes, 8.915 pacientes estão recuperados, 4.690 pacientes estão ainda em isolamento domiciliar ou hospitalar e 240 pacientes foram a óbito.

Pesquisa

Tocantins soma 59 pesquisas científicas autorizadas em Unidades de Conservação estaduais

Mesmo com a suspensão temporária das atividades nas unidades devido a Covid-19, o sistema de controle de pesquisas científicas em UCs estaduais do Naturatins registrou, no 1º semestre de 2020, sete autorizações recentes em andamento


Tocantins

Balanço mostra que Justiça Federal no Tocantins já repassou mais de R$ 200 mil para ações de combate à Covid-19

No Tocantins, a 4ª Vara Federal de Palmas destinou R$ 70.923,80, a Subseção Judiciária de Araguaína R$ 69.464,00 e a Subseção de Gurupi destinou R$ R$ 63.750,00.


Biodiversidade

Tocantins inicia monitoramento do período reprodutivo 2020 do Pato mergulhão no Jalapão

O Governo do Tocantins tem o compromisso de cumprir o calendário de monitoramento da espécie, firmado com o Plano de Ação Nacional para a Conservação das Espécies Ameaçadas de Extinção ou do Patrimônio Espeleológico (PAN/ICMBio)


Covid-19

Governador vistoria instalações de hospital contratado para atender pacientes da Covid-19


Meio Ambiente

Governo do Tocantins suspende autorização para queima controlada até novembro


Aprovação de Matérias

Assembleia encerra primeiro semestre após diversas matérias aprovadas


Paraído do TO

Bombeiros militares atuam em combate a incêndio em carga de madeira na BR-153


Desempenho

Tocantins alcança segundo lugar no ranking de monitoramento da Agência Nacional de Águas


Cultura

Prazo para cadastro de eleitores e candidatos ao Conselho de Cultura termina na sexta



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira