Thursday, 28 de May de 2020

SAÚDE


Sabin

Empresa de Palmas é a melhor para se trabalhar na Região Norte

05 Feb 2020
Empresa de Palmas é a melhor para se trabalhar na Região Norte

O Grupo Sabin Medicina Diagnóstica, que atua há oito anos na Região Norte, venceu, na noite desta quinta-feira (30), o GPTW Amazônia, conquistando, pelo terceiro ano consecutivo, o prêmio de melhor empresa para se trabalhar na região.  

Realizada há quatro anos pelo Instituto Great Place To Work, a premiação valoriza atividades de empresas que são modelos em gestão de pessoas no Norte, como é o caso do Sabin, premiado nacionalmente por diversas vezes nessa área.

O Great Place to Work conduz a pesquisa ‘Melhores Empresas para Trabalhar’ em mais de 50 países, e avalia o orgulho que os colaboradores sentem do que fazem, bem como o encorajamento que recebem para equilibrar sua vida pessoal e profissional.

O prêmio GPTW 2020 foi entregue à diretora Administrativa e de Pessoas do Sabin, Marly Vidal. Estiveram com ela a gestora do grupo em Manaus e Boa Vista, Ana Pedra, os gestores de Palmas, Pedro Paulo de Brito Damasceno e Nayara de Oliveira Borba, e os gestores de Belém, Priscila Braga e Izaura Cristina dos Santos Souza, entre outros colaboradores das regionais.

Fundado pelas sócias Janete Vaz e Sandra Soares Costa, há 35 anos, em Brasília, o Grupo Sabin possui, atualmente, 296 unidades de atendimento em 53 cidades de 12 estados e no Distrito Federal, e mantém sua cultura organizacional voltada para a valorização da diversidade e da equidade. A empresa também está, há 16 anos, entre as melhores do Brasil para trabalhar.

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

Tocantins contabilizou 270 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins apresenta 3.277 casos no total, destes, 1.087 pacientes estão recuperados, 2.122 pacientes estão ainda em isolamento domiciliar ou hospitalar e 68 pacientes foram a óbito.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira