Wednesday, 02 de December de 2020

VIVER


Vizinhos silvestres

Convivência com animais nas cidades do Tocantins é comum, mas necessita atenção

29 Oct 2020
Fernanda Alves Convivência com animais nas cidades do Tocantins é comum, mas necessita atenção

Durante o mês de outubro, a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) reforçou a importância da proteção e dos direitos da fauna, em razão do Dia Mundial dos Animais, celebrado no dia 04 de outubro. Nas redes sociais, a Semarh explicou os diferentes grupos, sendo eles: animais de produção, de laboratório, silvestres, domésticos e esportivos, além de explorar informações sobre algumas espécies do cerrado. Com a aparição de animais silvestres cada vez mais frequentes nas cidades, a atenção voltada para eles deve ser ainda mais cautelosa.

O agropecuarista Luis Carlos Chilanti notou a presença de um casal de araras em sua casa e acompanhou o desenvolvimento de um ninho feito no alto de uma palmeira. “Há três anos eu notei a aparição dessas araras, eu tinha duas palmeiras imperiais e uma delas morreu. Elas logo perceberam o tronco alto e ficaram vigiando por meses até sentirem segurança em relação a predadores”, relata.

“Elas começaram a cavar o tronco com mais ou menos 50 centímetros de profundidade para a construção do ninho. Nas duas primeiras vezes foram colocados um ovo em cada e agora na terceira ninhada vieram dois ovos”. Ainda segundo o agropecuarista, as araras fazem um trabalho incrível, tanto na construção do ninho, quanto no treinamento dos filhotes para a preparação dos primeiros voos. “Nós observamos elas de longe para não as assustar. Não podemos alimentá-las, mas vemos elas saindo para caçar comida na natureza”, finaliza.

A zootecnista Angélica de Paiva Vendramini Furtado, membro do Comitê Estadual de Proteção e Defesa dos Animais (Pró-Animais), explica o motivo desses animais silvestres serem tão importantes para a natureza e porque eles migram para os centros urbanos. “As araras têm papel fundamental para preservação do cerrado por serem dispersoras de sementes, contribuindo com a repovoação e manutenção da flora do cerrado. Com o avanço da tecnologia e aumento de plantações, pastos e lavouras essas aves estão se deslocando cada vez mais para as cidades em busca de natureza para se manterem vivas”, pontua.

Segundo a engenheira agrônoma e Gerente de Biodiversidade e Áreas Protegidas da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Tocantins (Semarh), Cristiane Peres, a frequente aparição nas cidades está relacionada ao desmatamento e às queimadas nas matas. “Esses animais vêm para a cidade em busca de alimento e água, durante a época de seca, quando mais queimam as matas, eles aparecem com mais frequência para lutar pela sobrevivência”, pontuou.

A gerente informa sobre a forma correta de agir ao se deparar com algum destes animais em casa ou na rua. “Orientamos sempre a população para que não se aproximem dos animais e nunca tente alimentá-los. O correto é entrar em contato com um órgão competente o mais rápido possível para que seja feito o resgaste de maneira correta, principalmente se estiver ferido”, esclarece.

As autoridades devem ser contatadas através dos seguintes contatos: Batalhão da Polícia Militar Ambiental (BPMA) pelo 3218-2731; Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), nos números 3218-2659 (atendimento ao usuário), 3218-2657 (Fauna) e 08000 63 1155 (linha verde); além do Corpo de Bombeiro Militar (CBMTO), pelo 193.

Comitê Pró-Animais

O papel do Comitê Pró-Animais é promover, estimular, fortalecer e avaliar a implementação das Políticas Públicas Estaduais em defesa dos direitos dos animais em todo o Estado do Tocantins, através de debates para a discussão e tomada de decisões sobre o tema. A composição dos membros e respectivos suplentes do Comitê Pró-Animais é feita por indicações dos órgãos, entidades públicas e privadas a que representam, e designados por ato do Secretário de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos para mandato de dois anos, permitida uma recondução. Para o cumprimento de suas atribuições, o Comitê conta com o apoio de órgãos e entidades públicos ou privados, da sociedade civil organizada, assim como especialistas e técnicos.

O Comitê realizou a I Semana de Conscientização e Proteção dos Direitos dos Animais, entre os dias 06 e 09 de outubro deste ano de forma virtual, através de palestras, com o objetivo de estimular uma reflexão acerca dos direitos dos animais.

O secretário do Meio Ambiente Estadual, Renato Jayme, destacou que outubro foi um mês de reflexão e muitos debates acerca dos direitos dos animais. “Tivemos a oportunidade de conhecer melhor as demandas das instituições que atuam cuidando dos animais, e com isso, foi possível alinhar planos que possam resguardar ainda mais os direitos dos animais”, pontuou.

COMPARTILHE:


Confira também:


Helvécio Maia

Governador em exercício assina decretos para criação do Comitê da primeira infância e inclusão de nome social de pessoas trans em órgãos da administração pública

Solenidade também contou com a entrega de armamentos, munições e uma nova viatura para o sistema prisional

Covid-19

Tocantins contabilizou 350 novos casos confirmados da Covid-19

Atualmente, o Tocantins contabiliza 259.124 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 81.972 casos confirmados. Destes, 74.109 pacientes estão recuperados, 6.696 pacientes seguem em isolamento domiciliar ou hospitalar e 1.167 pacientes foram a óbito.



Aleto

Eduardo do Dertins participa de solenidade de entrega de equipamentos de segurança

Além do presidente da AL, participaram do evento os deputados Jair Farias (MDB), Olyntho Neto (PSDB), Cláudia Lelis (PV) e Valderez Castelo Branco (PP).


Serviço

IBGE/TO faz apelo para que empresas e escritórios de contabilidade respondam pesquisas econômicas

O IBGE ressalta que o levantamento é importante para retratar a realidade do segmento empresarial, industrial, construção civil, comércio e serviços e, dessa forma, embasar o planejamento econômico, as políticas públicas e os investimentos no estado.


Band

Erick Jacquin presta homenagem à mandioca no oitavo episódio do “Minha Receita”

Minha Receita vai ao ar toda quinta-feira, às 22h45, para todo o Brasil.


Revitalização

Avenida JK ganha espaço verde de convivência


Educação

Unitins oferta 534 vagas para o semestre 2021/1 em edital de transferência externa


Interior

Prefeitura de Miracema do Tocantins divulga resultado dos Editais da Lei Aldir Blanc


Meio Ambiente

Governo do Estado inicia o plantio de mudas no Parque Estadual do Lajeado em parceria com a ONG 8 Billion Trees


Campo

Com articulação do Ruraltins, produtores quitam passivo financeiro com Banco da Amazônia e garantem acesso à nova linha de crédito


Região central

Polícia Civil desarticula ponto de venda de drogas e prende dois suspeitos por tráfico em Miracema



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira