Thursday, 13 de December de 2018

VIVER


Música

Festival tradicional volta acontecer em GurupiA premiação será para os três primeiros lugares nas categorias banda e sol

13 Aug 2008

O Festival de música é um dos maiores gêneros da cultura brasileira e uma porta para novos talentos. Em Gurupi, há 18 anos, foi fundado um dos maiores festivais do Estado, o Festival da Canção de Gurupi (Fesc), que virou tradição, mas que, por falta de condições financeiras, deixou de acontecer durante alguns anos; no entanto, volta agora em sua 12ª edição.

A presidente da Fundação Cultural de Gurupi, Lucirez Amaral, explana que o Festival é uma forma de estimular os jovens a compor e expor ao público o talento que têm. Lucirez diz que o Festival é um dos eventos mais democráticos, e “a tendência é a pessoa pensar que somente os mais experientes na área musical têm chances de vencer um festival deste nível, mas qualquer talento pode levar a melhor”, ressaltou.

Lucirez explicou que o Fesc é um dos primeiros festivais lançados no Estado, e tem revelado grandes talentos. Para a presidente, eventos como esse são positivos porque oportunizam a apresentação da boa música. Ela ressalta que atualmente as pessoas estão consumindo muita música que não tem nada de proveito, mas recebem isso passivamente, porque a mídia dá ênfase ao modismo sem se importar com a qualidade; por outro lado, os festivais agraciam a música popular, e também são um espaço para a música regional.

O fundador do festival, o compositor e jornalista Paulo Albuquerque, disse estar muito feliz com a retomada do Fesc, porque o projeto foi a porta para o lançamento de bons compositores e intérpretes ao longo desses anos. “Acredito que o festival é uma excelente oportunidade para o aparecimento de novos talentos”, afirmou Paulo Albuquerque.

O último festival aconteceu em 2004, com mais de 40 músicas inscritas, sendo que 24 foram selecionadas. Desse trabalho, era para ter saído um CD com os 11 primeiros colocados, o qual chegou a ser gravado, porém, não foi mixado por falta de condições financeiras.

Os músicos que quiserem participar têm até o dia 05 de setembro para se inscreverem. O evento está marcado para acontecer entre os dias 12 e 14 de setembro, no Parque Mutuca. Os inscritos terão que apresentar a música gravada em CD, e também em seis cópias digitadas para avaliação.  

Lucirez Amaral afirma que, no dia 09 de setembro, os concorrentes saberão quem está apto a participar, já que as músicas apresentadas passarão por uma banca examinadora. Ela explica ainda que esta seleção será feita por quatro profissionais ligados a música, e por pelo menos um profissional ligado a literatura, para poder avaliar a contextualidade da letra musical.

Este ano, o festival terá uma novidade, que é a separação de apresentação de banda e solo, o que faz com que o evento seja mais democrático e o julgamento mais justo.  

A premiação será para os três primeiros lugares nas categorias Banda e Solo. O prêmio varia entre R$ 1.000 e R$ 3.000. Também será premiado o melhor intérprete e o melhor arranjo. O regulamento e a ficha de inscrição estarão disponíveis no site www.prefeituradegurupi.com.br

 

Histórico

O FESC se tornou tradição no Estado. Foi iniciado em 1990, pelo cantor, compositor e jornalista Paulo Albuquerque. O festival tem gravados um vinil e três CDs. No início, o projeto foi idealizado com o propósito de ser realizado anualmente, porém, algumas edições não aconteceram por falta de condições financeiras para arcar com todas as despesas de um projeto desse nível.

O festival é aberto e atrai concorrentes de todo o Tocantins e até de outros estados. Suas últimas edições foram realizadas pela Fundação Cultural de Gurupi em parceria com a Associação de Artes de Gurupi.

O Festival tem como objetivo valorizar os produtores musicais, resgatar e difundir os trabalhos, resultando numa forma de dar mais oportunidades aos compositores e intérpretes da região. O Fesc é um dos responsáveis pela revelação de grandes nomes já consagrados na música tocantinense.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

11

PARABÉNS!
PARABÉNS!

10

BOM
BOM

8

AMEI!
AMEI!

11

KKKK
KKKK

12

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

7

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

8

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Setor Taquari

Governo vai retomar obras de casas populares no Setor Taquari

Aviso de concorrência para contratação da empresa foi publicado na edição do Diário Oficial do Estado dessa terça-feira, 11

Contas

TRE-TO desaprova oito prestações de contas e quatro são aprovadas

Foram aprovadas ainda as contas de Williams de Araújo da Silva, candidato ao cargo de Deputado Federal, pelo Partido da Mulher Brasileira (PMB)




  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira