Tuesday, 12 de November de 2019

VIVER


Artesanato

Originalidade tocantinense marca presença no Salão do Artesanato de São Paulo

10 Oct 2019    10:44    alterado em 10/10 às 10:44
Emerson Silva/Governo do Tocantins Originalidade tocantinense marca presença no Salão do Artesanato de São Paulo

Andar pelos corredores de um evento como o 13º Salão do Artesanato - Raízes Brasileiras, considerado a maior vitrine do artesanato brasileiro, é como mergulhar na essência cultural brasileira em um mesmo local e momento. Por isso, participam dele somente os melhores artífices do País, de 21 estados e Distrito Federal. Sua 13ª edição começa nesta quarta, 9, e segue até domingo, 13, no Pavilhão da Bienal, em São Paulo. O Tocantins marca presença com cinco artesãos individuais e nove associações de diversas regiões do país.

A expressiva participação do Estado é resultado do esforço da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), que selecionou os participantes por meio de edital e observando critérios de qualidade, originalidade, representatividade da cultura regional.

“Outra preocupação é promover o rodízio de artesãos e associações, o que tem sido possível graças à parceria com o Sebrae Tocantins, sendo que a Adetuc arca com as despesas de transporte dos artesãos e das mercadorias e o Sebrae custeia a hospedagem”, explica o superintendente de Cultura, Álvaro Júnior, lembrando que até o ano passado os artesãos arcavam com todas as suas despesas, o que centralizava a participação em um pequeno grupo.

“A missão do Governo do Estado é fomentar a economia criativa, e o incentivo a participação em eventos de visibilidade nacional, como o Salão do Artesanato, não apenas a gera emprego e renda, como também promove a troca de experiências e técnicas, melhorando a qualidade dos nossos produtos”, lembra o presidente da Adetuc, Tom Lyra. De acordo com ele, conforme solicitação do governador Mauro Carlesse, a pasta tem realizado levantamento em todo o Estado voltado especialmente para estes trabalhadores e suas demandas.


Representatividade

A diversidade tocantinense de matérias-primas e técnicas estará representada em São Paulo. O carro-chefe do artesanato tocantinense, o capim dourado, contará com peças produzidas por Laudeci Ribeiro de Sousa Monteiro, de Mateiros, e por integrantes da Associação das Mulheres e Artesãs do Capim Dourado de Novo Acordo, Associação dos Artesãos do Capim Dourado Pontealtense (Ponte Alta), Associação de Mulheres Produtoras dos Projetos de Assentamento Santo Onofre e Santa Teresa 1 (Ponte Alta) e Associação Dianopolina de Artesãos de Dianópolis.

Assim como o capim dourado, o artesanato indígena tem vaga garantida pelo edital de seleção. Integram a caravana representantes do Centro Cultural Kájre, povo Krahô/Goiatins, com peças em semente, fibra, cabaça, casca vegetal, fruto e madeira, e a Casa de Cultura Karajá, Ilha do Bananal, com cerâmica, palha, miçanga, madeira e frutos.

Também chama atenção o artesanato em bucha vegetal, frutos, madeira, semente, capim e ferro de Guilherme Antônio dos Santos (Porto Nacional) e as peças confeccionadas em madeira, pele animal, casca de árvore e cerâmica de Márcio Bello (Porto Nacional). Representando Pium, Raimundo Carneiro Soares leva peças em talo de buriti e Josias de Souza Menezes, de Gurupi,  apresenta peças em madeira.

Três associações completam a lista de selecionados: a Cooperativa dos Artesãos de Biojoias de Xambioá (Xambiart), que retorna às feiras com biojóias em madeira, semente, fibra e resina, e as estreantes em grandes eventos, Associação das Mulheres Artesãs e Empreendedoras do Lajeado (cerâmica e talo de buriti) e Associação das Mulheres Feirantes de Taquaruçu (palha de milho, talo de buriti, madeira, bucha vegetal).


O evento

O 13º Salão do Artesanato - Raízes Brasileiras será aberto ao público todos os dias, das 11 às 21 horas, com entrada gratuita. Os visitantes poderão participar de uma grande exposição de peças artesanais, palestras e oficinas de artesanatos, arte feita ao vivo por diversos artesãos, shows com artistas nacionais, grupos folclóricos e ainda conhecer a gastronomia típica de cinco regiões do País. Promoção e organização são assinados pela Rome Eventos, com apoio do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB).

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

Números do câncer infantojuvenil em todo Brasil alertam para o diagnóstico precoce

Instituições de todas as regiões realizam ações para o Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil (DNCCI), comemorado dia 23

Dpvat

Bolsonaro assina medida provisória que extingue o Dpvat

A MP extingue também o Seguro de Danos Pessoais Causados por Embarcações, ou por sua carga, a pessoas transportadas ou não (DPEM).



Saúde

Novembro Azul - Atendimento noturno à população masculina de Palmas

A ação faz parte da Campanha Novembro Azul, cujo objetivo é acolher, conscientizar e sensibilizar a população masculina sobre os exames de prevenção do câncer e os cuidados com a saúde.


Obras

Prefeitura entrega nesta terça, 12, infraestrutura da Avenida Palmas Brasil Norte

A obra beneficiará a área comercial e residencial das Quadras Arnes 61 (504 Norte), 51 (404 Norte), 53 (406 Norte) e 63 (506 Norte)


Europa

Governador Carlesse cumpre agenda em Portugal visando atrair investimentos para o Tocantins

Um dos principais compromissos será na sede da Daymon, onde vão discutir o potencial de negócios de marcas e produtos para exportação


Vizinho

Governador Carlesse é homenageado em Mato Grosso pelo trabalho visando a construção da Transbananal


Panorama

Metrologia Estadual aprova 94% das marcas de produtos testados na Operação Limpeza


Teatro

Cia Art’Sacra abre inscrições para voluntários do espetáculo Paixão de Cristo 2020


Agrotóxicos

Tocantins apresenta cenário sobre controle de agrotóxicos durante evento em Florianópolis


Saúde

Secretário da Saúde recebe comitiva do Hospital do Amor


Sesau

Novembro Azul: cuidar da saúde também é coisa de homem



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira