Palmas, 24/11/2017

Viver

Praia Rio Sono

Visitantes e comerciantes da Praia do Rio Sono s√£o orientados sobre descarte correto do lixo

  • No s√°bado, 8 de julho, a equipe de Educa√ß√£o Ambiental do Escrit√≥rio Regional do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) de Pedro Afonso realizou a√ß√Ķes de monitoramento e inspe√ß√£o na Praia do Rio Sono, a principal do munic√≠pio

Visitantes e comerciantes da Praia do Rio Sono s√£o orientados sobre descarte correto do lixo



Fred Oliveira / Governo do Tocantins

No s√°bado, 8 de julho, a equipe de Educa√ß√£o Ambiental do Escrit√≥rio Regional do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) de Pedro Afonso realizou a√ß√Ķes de monitoramento e inspe√ß√£o na Praia do Rio Sono, a principal do munic√≠pio.

Durante o trabalho, visitantes e comerciantes receberam orienta√ß√Ķes sobre o descarte correto do lixo e medidas que ajudam na preserva√ß√£o dos recursos naturais.

As informa√ß√Ķes foram repassadas pelas t√©cnicas do Naturatins Cledimara Sinigaglia, Ana Lorena Carvalho e Zenaide Alencar.

Morador de Pedro Afonso, o professor Marcos Andr√© Silva Oliveira, que junto com familiares e amigos acampou na Praia do Rio Sono, considera importante o trabalho realizado pelo Naturatins. Para ele, embora pare√ßamos uma sociedade evolu√≠da, √© necess√°rio o processo de conscientiza√ß√£o constante. "At√© porque o ser humano ainda n√£o aprendeu a cuidar do seu ambiente natural, isso tem feito que o planeta se degrade de forma gradativa. √Č importante essa iniciativa do Naturatins, que mesmo em um m√™s de f√©rias e de festa para a maioria das pessoas, est√° lembrando que os cuidados com o meio ambiente s√£o de suma import√Ęncia", avalia.  

Ainda neste m√™s de julho, outras duas praias da regi√£o ‚Äď a do Duga, em Pedro Afonso, e a do Bom Ser√°, em Tupirama ‚Äď que tamb√©m possuem licenciamento ambiental para realiza√ß√£o de temporada de veraneio, ser√£o visitadas pela equipe de Educa√ß√£o Ambiental do Instituto Natureza do Naturatins de Pedro Afonso.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus